Palestra sobre o Dia do Tamanduá

Em Setembro, o Instituto Jurumi esteve presente na Semana Acadêmica de Biologia do Universidade Paulista - UNIP, em Brasília. O evento é organizado pelos estudantes do curso de graduação e contou com a participação de pesquisadores de diferentes áreas. 'Foi uma oportunidade de trazer aos estudantes de graduação, e potenciais conservacionistas, a importância de mobilizar as pessoas em prol da conservação da natureza, através de um evento como o Dia do Tamanduá' relembra Rodrigo Viana, pesquisador do Instituto.


O Dia Mundial do Tamandua é um evento anual, em 29 de Novembro, para relembrar a importância da conservação de tamanduás. e tem como missão ‘Ser uma ação para sensibilizar as pessoas sobre os tamanduás e os desafios para a sobrevivência das espécies na natureza’. É uma iniciativa do Instituto Jurumi e Projeto Tamanduá, com apoio da IUCN/SSC Anteater, Sloth and Armadillo Specialist Group.

Em 29 de novembro de 1961 um decreto cria um Parque Nacional no Cerrado, uma data importante para conservação da natureza. Atualmente vivem no Parque duas espécies de tamanduá: Tamanduá-bandeira (Myrmecophaga tridactyla) e Tamanduá-mirim (Tamandua tetradactyla). Em 2014, primeiro ano do Dia do Tamandua, o bioma Cerrado já havia perdido mais de 50% da cobertura original.

Comentários

Outras postagens

1ª Corrida Selvagem

Setembro: biólogos, veterinários e natureza!

Dia do Cerrado

Um tamanduá-bandeira cruzou nosso caminho. #AssociadoaNatureza